Existe cabo assim no Brasil? Pode ser instalado desse jeito? 🤔

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional:
➽ https://ift.tt/1C93LEg
——
✅ Gostou desse vídeo?
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
✍️ Deixe seu comentário
📢 Compartilhe com os amigos
🕵 Siga nossas redes ➽ https://ift.tt/GlyC7vx
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Existe cabo assim no Brasil? Pode ser instalado desse jeito?

É permitido instalar cabeamento direto na parede?

Pergunta interessante, não é? E foi justamente a pergunta que o inscrito Breno Vilas Boas fez e nos motivou a gravar a aula de hoje….

Ele entrou em contato conosco, enviando trechos desse vídeo e deixou o seguinte comentário: “André, é permitido fazer este tipo de instalação aqui no Brasil” sabemos que na Europa, e também na américa do norte é bem usado esse padrão, sem o uso de eletrodutos.

Mas aí fica a dúvida cruel, fora daqui é muito comum instalação desse jeito, mas aqui no Brasil nem tanto, por isso vamos analisar as normas e responder para todos vocês se pode ou não pode.

Como eu disse, o Breno nosso inscrito nos perguntou sobre instalações de cabos aparentes direto na parede. Para responder isso, a gente precisa recorrer às normas.

Existe um trecho da norma que permite em partes a instalação de cabos assim, que é o Método de instalação 52 da tabela 33 da NBR 5410, ele permite que cabos unipolares e cabos multipolares sejam instalados embutidos diretamente na alvenaria sem proteção mecânica adicional. Nesta situação, precisamos então usar o método de referência C.

Mas calma, preste bastante atenção nestas palavras:
Cabos unipolares e cabos multipolares

Para quem não sabe, Já expliquei em um vídeo sobre a diferença desses cabos. Mas a grosso modo, cabos unipolares e multipolares são condutores que possuem uma cobertura adicional aplicada sobre a isolação, como por exemplo os cabos “NAX” e os antigos “plastichumbo”.

Então posso fixar cabos nax e plastichumbo direto na parede sem precisar embutir? Calma, calma que tem mais coisas a analisar…

A gente vai dar uma olhada no Item 6.2.3.3 da norma que fala:
“Para os efeitos desta Norma, os condutores com isolação de XLPE que atendam à ABNT NBR 7285, compreendendo condutores isolados e cabos multiplexados, são considerados cabos unipolares e cabos multipolares, respectivamente”

Vamos lá, como falei, o cabo unipolar e o cabo multipolar são aqueles que possuem dupla isolação, com a camada de proteção externa em material EPR/XLPE e tensão de isolação de 0,6/1kV.

Mas ó, cuidado para não confundirem o cabo multipolar com aquele cabo PP, turma, são cabos diferentes, hein! Tanto no material da capa externa, quanto na tensão de isolação, inclusive na norma que regulamenta suas especificações.

E ainda reforço sobre os cabos PP, olha essa nota do item 6.2.3.2 da NBR 5410 que cita que:
“Os cabos em conformidade com a ABNT NBR 13249 não são admitidos nas maneiras de instalar previstas na tabela 33, tendo em vista que tais cabos destinam-se tão somente à ligação de equipamentos”.

Só que a título de curiosidade a NBR 1324 9 foi cancelada em 2009. Em seu lugar são utilizadas as normas Mercosul NBR NM 243, NBR NM 247-5 e NBR NM 287.

Então, meus queridos, tá visto que é permitido sim fazer este tipo de instalação aqui no Brasil, mas lembrando: sempre respeitando a NBR 5410 o que significa que chumbar cabo pp na parede não pode tá bem

Antigamente era muito comum vermos aqueles cabos cinza, o famoso plastichumbo, sendo instalados desta forma, mas este cabo hoje em dia já não está sendo produzido pela maioria das fábricas de condutores, incluindo nossa parceira Megatron, que nos ajudou tecnicamente neste conteúdo.

Agora é a hora da minha opinião pessoal e profissional.

A primeira desvantagem em se usar este tipo de instalação é que se precisar passar outro cabo, como por exemplo, para ligar um ventilador de teto, você terá que quebrar novamente a parede, quando usamos eletrodutos embutidos a gente consegue uma manutenção e ampliação mais rápida e sem quebradeira.
A segunda desvantagem é o preço de um cabo 0,6/1kv que é bem mais caro do que um cabo de 750v, e se você achar plastichumbo no mercado, corre o risco de não ter boa qualidade, mas como sempre, busque analisar bem os produtos antes de instalar.

Enfim, pra mim, usar cabo chumbado direto na parede não é uma boa solução para instalações novas, porém admito que em pequenas ligações de lâmpadas e até mesmo um ponto ou outro de tomada, seja uma solução aplicável!