05 TRECHOS da NBR 5410 que estão DESATUALIZADOS na minha opinião ❌

Link: https://engehall.com.br/revisão5410

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional:
➽ https://ift.tt/75U49pmoR
——

✅ Gostou desse vídeo?
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
✍️ Deixe seu comentário
📢 Compartilhe com os amigos
🕵 Siga nossas redes ➽ https://ift.tt/A75qCU4QV
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

👉 Curso NR10 com 20% de desconto
➽ https://ift.tt/l7bNnxVRP
——
Essa semana recebi um e-mail no qual o seguinte trecho chamou minha atenção:

“Muitos profissionais da área sabem que a NBR 5410 está em revisão, visto que a mesma está desatualizada. Um exemplo dessa desatualização é o dimensionamento de condutores elétricos para circuitos de iluminação, no qual a norma exige bitola mínima de 1,5mm². Atualmente, a iluminação com lâmpadas de LED é muito comum e o uso da bitola mínima exigida na norma é um verdadeiro desperdício”.

Cara, quem me mandou esse e-mail é um inscrito Felipe Caniatti o nome dele, e assim, na minha opinião ele cutucou apenas uma das “feridas da norma”.
Sendo assim, no vídeo de hoje iremos mostrar pra vocês 05 trechos da NBR-5410 que estão desatualizados, isso na minha opinião.

Quem conhece nossa maneira de trabalhar e ensinar, sabe que seguimos ao máximo as normas técnicas da eletricidade, inclusive às vezes somos até criticados por ser corretos e prudentes. Mas vamos concordar que realmente alguns pontos da norma precisam realmente ser revisados, conforme já está sendo feito segundo a ABNT.

A bíblia do eletricista predial, mais conhecida como NBR 5410, teve sua última versão emitida em 2004, sendo incorporada uma errata a ela em 2008, ou seja, já tem 14 anos que ela está em vigor sem nenhuma modificação.

Só que como a 5410 é baseada na norma europeia IEC 60364, que foi atualizada em 2019, a ABNT abriu a nossa norma NBR 5410 para uma revisão, inclusive, no site da ABNT tem um link para você poder participar. Deixo o link no final da aula…

Mas como ainda não sabemos o que está sendo revisado na norma atual, vou listar para vocês os 5 trechos da NBR-5410 que na minha opinião estão desatualizados, devido ao uso de novas tecnologias, que são mais eficientes, ou devido às outras normas que ela cita terem sido canceladas ou substituídas.

Bom, o primeiro trecho da NBR 5410 que precisa ser atualizado na minha opinião é a letra “a” do item 4.2.1.2.2, que trata sobre iluminação. Nele cita que “as cargas de iluminação devem ser determinadas como resultado da aplicação da ABNT NBR 5413”, só que a NBR 5413 foi cancelada em 2013 e foi substituída pela NBR ISO/IEC 8995-1:2013. Então é bom adequar essa e outras partes da 5410 a nova norma IEC substituta.

Já o segundo item da norma que está desatualizado e que inclusive foi o questionamento do Felipe no e-mail é o item 9.5.2.1.2, que trata sobre a previsão de carga para iluminação. Nele fala que para cômodos com até 6 m2 devemos prever uma carga de 100 VA e se o cômodo for maior do que 6 m2, devemos prever, além dos 100VA dos primeiros 6m2, mais 60VA para cada 4m2 inteiros.
Bom, antigamente tínhamos apenas as lâmpadas incandescentes, porém ao longo do tempo foram substituídas pelos modelos fluorescentes, que mantiveram o fluxo luminoso porém com economia de 75%, e atualmente temos os modelos LED, que chegam a 85% de economia com a mesma eficiência luminosa, e temos como provar isso.

Em 2020, a Associação Brasileira de Fabricantes e Importadores de Produtos de Iluminação (ABILUMI) disponibilizou uma tabela com o comparativo entre as lâmpadas incandescentes, fluorescentes e de LED. Reparem que enquanto uma lâmpada incandescente de 100W emite aproximadamente 1500 lumens, uma lâmpada fluorescente equivalente consome 25W e se for com essa mesma iluminação, o LED consome 15W,

Ou seja, a norma hoje prevê uma disponibilidade mínima de carga para um ponto de iluminação de 100W, só que as lâmpadas dessa época nem fabricam mais, um LED de 15W resolve o problema, ou seja a carga que estou prevendo para um ponto às vezes atende a casa toda dependendo do tamanho dela, por isso esse ponto precisa de revisão.

E ainda falando em iluminação, um outro item da norma que está desatualizado e precisa ser revisto é o item 6.2.6.1.1, que trata sobre a seção dos condutores de fase. Na tabela 47 da norma, reparem que a seção mínima dos condutores para atender os circuitos de iluminação é de 1,5mm2.

Como disse no item anterior, as lâmpadas de hoje em dia consomem até 85% menos energia. Sendo assim, a potência total para atender ao circuito de iluminação também será menor. Se formos na tabela 36 da norma, no método de instalação mais comum, que é o B1, reparem que o cabo de 1 mm2 suporta em média 14A.