💪 Dei uma FORÇA para esse ELETRICISTA e olha O QUE ELE FEZ 😲

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional:
➽ https://ift.tt/14XGK6w
——

✅ Gostou desse vídeo?
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
✍️ Deixe seu comentário
📢 Compartilhe com os amigos
🕵 Siga nossas redes ➽ https://ift.tt/A9SW2ft
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Dei uma FORÇA para esse ELETRICISTA e olha O QUE ELE FEZ

O que é preciso para ser um eletricista?

Primeiramente o profissional que deseja ingressar no ramo elétrico é importante possuir o 2º grau completo e se formar em cursos superiores. Mas cursos livres (curso profissionalizante) pode permitir a entrada de pessoas com ensino fundamental.

Uma dica importante é escolher cursos de boa qualidade e que sejam reconhecidos nesse ramo de trabalho e tenha certificado válido em todo o Brasil, assim você não corre risco de gastar tempo e dinheiro em uma formação inválida.

O profissional recém-formado, muitas vezes, começa a sua carreira como ajudantes ou fazendo estágios no ramo. Mas isso é feito com o objetivo de aprimorar a parte técnica passando mais horas exposto à rotina de trabalho.

Quais ferramentas um eletricista precisa ter?

Então, para realizar os serviços com energia elétrica existem diversas, porém para iniciar seguem algumas importantes:

Chaves de fenda
Chaves Philips
Alicate de corte lateral
Alicate de bico
Prensa terminais (Alicate)
Estilete
Multímetro
Fita isolante
Martelo
Detector de Tensão
Chave inglesa
Trena

Afinal de contas, o que um eletricista faz ?
É um profissional que trabalha com redes elétricas em residências, comércios e indústrias, sempre em conformidade com as normas de aplicação técnicas e de segurança.

Também fazem parte das suas funções as instalações residenciais ou prediais com sistemas complexos de fiação, cabos coaxiais, tanto para computadores como para sistemas de telefonia ou sistemas elétricos industriais, bem como realizar a manutenção elétrica e instalar dispositivos eletrônicos.

É indispensável o conhecimento de manuseio das ferramentas adequadas em cada modelo de fiação em todos dos trabalhos.

Os profissionais qualificados têm as opções de atuação no setor industrial, em construções civis, empresas petroquímicas, nos órgãos públicos, prestadoras de serviço, mas podem ser autônomos também.

Entre as atividades desenvolvidas, também podemos citar:

Analisar e interpretar desenhos de fiação de redes de eletricidade. Inserir e dar a manutenção em fios condutores e equipamentos.
Consertar dispositivos.
Realizar a manutenção de maquinário elétrico industrial.
Verificar a proteção de equipamentos elétricos.
Elaborar orçamentos e projetos de instalações elétricas.
Além de dominar as ferramentas e ter conhecimentos específicos necessários no exercício da profissão, é importante também:

Saber efetuar cálculos e interpretar desenhos;
Ter boa comunicação e educação;
Ter habilidade em solucionar problemas;
Ser responsável e organizado;
Trabalhar com segurança e, no caso de autônomos, empreendedorismo, bom atendimento ao cliente e capacidade de negociação são fundamentais.;
Saber usar o computador também está se tornando cada vez mais importante.

Consigo me tornar um profissional confiável e respeitado?

Muitas vezes o aluno recém formado em faculdades ou escolas técnicas, ao entrar em contato com o trabalho real, percebia que a prática era totalmente diferente do que aprendia na sala de aula.

E um outro problema é que nem sempre o aluno consegue chegar no final do curso, isso devido a falta de tempo, dinheiro e até mesmo por não se sentir confiante em conseguir colocação no mercado de trabalho.

Com a evolução tecnológica e o surgimento das redes sociais, outras formas de aprendizado foram inseridas no âmbito da educação profissional. O ensino à distância já é uma realidade acessível, com isso uma nova janela do conhecimento se abriu para atender os alunos que precisam de certificado para trabalhar.

Depois de entender a real necessidade destes profissionais da elétrica, empresas, como a Engehall, surgiram com os cursos profissionalizantes livres, que possuem um formato mais acessível, focado em resultado e dentro da realidade de quem quer ingressar na elétrica, melhorando a qualificação profissional.

Qual é o tamanho do mercado elétrico?
A oferta de trabalho está em alta, mas infelizmente não encontra mão-de-obra qualificada e certificada para atender a demanda.

Diante disso, os cursos de aprendizagem e aperfeiçoamento técnico são boas opções para quem quer garantir o seu certificado e uma oportunidade de emprego.

O profissional habilitado sempre terá oportunidades no mercado de trabalho, pois são vastas as oportunidades em todos os ramos que exigem eficiência técnica.