😆 Só PUXAR um 220V não é TÃO SIMPLES como um PICA FIO acha que É!!!

👉 LINK de INSCRIÇÃO: https://ift.tt/S0ZX9Pm

⚡️ AULA GRATUITA: Como Fazer Uma Instalação Elétrica Completa do Zero, Com Facilidade, Mesmo que Você Não Seja Um Eletricista Profissional:
➽ https://ift.tt/KVJiqvz
——

✅ Gostou desse vídeo?
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
✍️ Deixe seu comentário
📢 Compartilhe com os amigos
🕵 Siga nossas redes ➽ https://ift.tt/Wiap4d1
– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Só PUXAR um 220V não é TÃO SIMPLES como um PICA FIO acha que É!!!

Imagine a cena: Você acabou de se mudar para uma casa ou apartamento que possui apenas tomadas 127V, porém você precisa que seja instalado uma tomada 220V.
Aí, chega o Pica fio e faz o quê? Olha o QDC, vê que tem duas fases chegando e tira o 220v de um lugar qualquer e leva até o ponto em que você queria a tomada.

Mas agora vem a pergunta… Será que está certo?

Vai pensando na resposta enquanto dá um like para gente e aproveita para se inscrever aqui no canal também, a gente ensina bastante coisa relacionada a área elétrica aqui, então, ativa o sininho também para não perder nenhum conteúdo, combinado?! Então, bora pro vídeo…

Fala, meus queridos, tudo massa?

Está vindo aí a 4ª edição da semana Eletricista Profissional que acontece já neste mês. Já garanta a sua inscrição através do link que está na descrição, porque as vagas para conseguir assistir ao vivo são limitadas. Afinal eu preparei aulas tops ensinando a projetar uma instalação elétrica do zero e de quebra executar toda a obra com um passo a passo sensacional. Se inscreva neste evento e se torne um eletricista profissional muito mais seguro e confiante. Do jeito que o Pica Fio odeia.

Mas de volta ao assunto da aula, vamos ver os erros que um Pica Fio comete ao simplesmente “puxar o 220”, vamos por partes:

Sabemos que instalar a tomada é realmente simples, mas três perguntas devem ser feitas para não ter margem de erro:

1º – A sua instalação tem carga disponível para atender a este novo circuito 220V?
2º – A tubulação comporta passar os cabos deste novo circuito, ou vai ficar apertado?
3º – As cargas do QDC estão balanceadas, em funcionamento normal, as correntes nas fases são similares?

Veja que são várias perguntas para uma situação simples, a princípio, e que muita gente passa batido, talvez por pressa, talvez por não saber mesmo, por falta de conhecimento”, O que acaba colocando em risco a segurança da sua família.

Mas vamos começar respondendo à primeira pergunta, sobre a carga disponível no imóvel!

Se a sua instalação não suportar o aumento de carga para atender um simples circuito 220V, muito provavelmente irá sobrecarregar sua instalação, com isso temos 2 cenários!
1º – No melhor dos mundos ocasiona o desligamento da energia, aí o pica fio vem e traz a solução milagrosa de aumentar apenas a corrente do disjuntor alegando que ele tá fraco, só que a gente sabe que isso causa sobrecarga nos cabos, então não deixa ninguém fazer isso gente, pelo amor de Deus, disjuntor deve ser compatível com o cabo instalado!
2º – No pior dos casos, se não houver disjuntor para proteção, a chance de pegar fogo é grande, aí só Deus pra proteger mesmo!

Então antes de sair apenas puxando o 220V analise primeiramente a corrente do disjuntor geral e os cabos de alimentação e confirme se a capacidade do sistema suporta essa ampliação, por mais que seja uma simples tomada, em muitos casos ela pode afetar bastante a distribuição, pois muitas instalações são antigas, já estão sobrecarregadas, e isso coloca em risco todos os usuários do local, seja prudente ok?

Já a segunda pergunta que você deve se fazer é referente a tubulação onde irá passar esse novo circuito 220V.

É bastante comum o pica fio não respeitar a taxa de ocupação do eletroduto. Como já explicamos em vários vídeos, quando temos corrente circulando por um cabo, naturalmente ele esquenta, mesmo estando bem dimensionado. Sendo assim, quanto mais cabos tivermos em um eletroduto, mais quente aquele duto vai ficar. E quanto mais quente, maior a resistência do cabo e vice versa.

Então meus queridos, sei que na prática é muito difícil pedir isso, não sou apenas um engenheiro de escritório, eu sou eletricista de campo também. Mas sempre que possível, procure obedecer a taxa de ocupação dos eletrodutos, a grosso modo se você tá vendo que mais da metade do eletroduto já tá cheio de cabos, procure novas rotas, procure um novo caminho, se não houver, aí recomendo fazer uma nova tubulação, embutida, sobrepor, seja criativo, procure resolver o problema para o cliente, evitando problemas futuros para você e pra ele, tá bem?